Este é o seu espaço de encontro entre o Mundo Espiritual e o Mundo Material. É a ponte para as dúvidas que muitas vezes pairam entre nós. É a ajuda para solucionar os seus problemas, é a orientação a quem necessita. É a Essência da Vida traduzida em palavras. Por isso, apareça, relaxe, viaje neste espaço e siga o seu coração tirando todas as suas dúvidas.

.

ENVIE A SUA QUESTÃO

 

HORÁRIOS DOS RITUAIS NO TSU

MENU

ACONSELHAMENTO ESPIRITUAL

OS ORIXÁS E O SEU SIGNO

O QUE SÃO ORIXÁS

O QUE É O JOGO DE BUZÍOS

TRADIÇÃO AFRICANA

O SIGNIFICADO DAS VELAS

ENTREVISTAS SAPO ZEN

TEMPLO SAGRADO DE UMBANDA

 

Faça a sua Simpatia

Rituais de Amor e Sexo
Rituais para a Beleza
Rituais para Crianças
Rituais Diversos

 

 

Video

Pai Pedro de Ogum no Facebook

Arquivos

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Posts recentes

A TODOS OS FILHOS DO TSU ...

A Minha Opnião

FESTA A YEMANJÁ - 2011 - ...

Quinta-feira, 5 de Abril de 2012

A TODOS OS FILHOS DO TSU - Templo Sagrado de Umbanda

Asè
Aboru, Aboye, Abosise



O céu de repente anuviou
E o vento agitou as ondas do mar
E o que o temporal levou
Foi tudo que deu pra guardar
Só Deus sabe o quanto se labutou
Custou mas depois veio a bonança
E agora é hora de agradecer
Pois quando tudo se perdeu
E a sorte desapareceu
Abaixo de Deus só ficou você

Quando a gira girou, ninguém suportou
Só você ficou, não me abandonou
Quando o vento parou e a água baixou
Eu tive a certeza do seu amor

Quando tudo parece que estar perdido
É nessa hora que você vê
Quem é parceiro, quem é bom amigo
Quem tá contigo quem é de correr
A sua mão me tirou do abismo
O seu axé evitou o meu fim
Me ensinou o que é companheirismo
E também a gostar de quem gosta de mim

Quando a gira girou, ninguém suportou...

Na hora que a gente menos espera
No fim do túnel aparece uma luz
A luz de uma amizade sincera
Para ajudar carregar nossa cruz
Foi Deus quem pôs você no meu caminho
Na hora certa pra me socorrer
Eu não teria chegado sozinho
A lugar nenhum se não fosse você

Quando a gira girou, ninguém suportou...

publicado por Pai Pedro de Ogum às 18:15
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 1 de Novembro de 2011

A Minha Opnião



A minha posição, em relação à religião, era de pensar que a mensagem contida nelas estava completa.
Foi assim, durante anos. Mais recentemente, e ao refletir sobre o assunto, percebi que não era assim, por várias razões.
Em primeiro lugar, pelo facto incontestável de saber que Deus é Vida.
Ora, assim sendo, toda a vida envolve Comunicação. E, em toda a comunicação entre seres vivos, deduz-se que haja evolução.
Ninguém fala sempre do mesmo assunto. As conversas evoluem, abrem-se, aprofundam-se… pelo menos, as sérias.
As novas tecnologias abrem-nos um novo mundo de comunicação, entre religiosos e o público, e este imenso mundo de interação abre a Umbanda para uma nova evolução.
Assim sendo, e para mim, as conversas com o Céu também evoluem.
Nós, meros seres humanos, não podemos ter a pretensão de nada. O Céu, para mim, é sinónimo de infinito. Talvez porque Deus é infinito.
A Umbanda para mim não é, nem nunca será uma Religião cristalizada, e sim Infinita, com uma base doutrinária muito forte e consistente, mas com Evolução Espiritual e de Comunicação.
Aquilo que me apercebo actualmente na nossa querida Umbanda, é que neste momento se está a proceder a uma evolução da sua forma de crescer e de evoluir, e principalmente uma grande evolução comunicacional. E, esta evolução atinge directamente todos os que procuram na Umbanda a sua evolução espiritual.
Com o actual desenvolvimento comunicativo que a Umbanda teve em Portugal, a posição de muitos portugueses é igual à que aconteceu há dois mil anos atrás – desconfiança. Esta, pelo que já foi dito atrás, não tem razão de existir, se mantivermos o nosso espírito receptivo e acreditarmos que a verdade não está só na nossa mente, mas também no nosso coração/intuição, ou o que lhe queiram chamar.
Mas, como tudo o que envolve o ser humano, há que ter cuidado…
Sabemos que há por aí muita falsidade, com que faz que muitas pessoas tenham receio de conhecer a Umbanda, pois ela é lhes apresentada como um monte folclore e de ritualística bastante complexa, para que sempre exista algo inatingível e secreto, mas a minha opnião é que a Umbanda há muito tempo, já se tornou Ecumênica (um conjunto religioso diverso e plural), mas parece que a soberba e o dogmatismo de ser ou estar acima do outro, de deter a verdadeira verdade ou de se deixar acreditar que se tem a verdadeira verdade, está destruindo uma esperança de união.

Se não entendermos as modificações acontecidas na Umbanda ao longo destes 103 anos (essas transformações, essa evolução), nunca conseguiremos nos ver como um todo, nos respeitar como um todo, nos aceitar como parte desse todo que mudou e evoluiu: plural e diversificado.
Se o próprio Cristianismo se modificou se transformou, se ramificou em diversas crenças, em várias religiões Cristãs diferentes, porque seria diferente com a Umbanda?

A Umbanda é uma religião ecumênica, diversa e plural. E só iremos alcançar uma união de fato e de direito quando todos nós nos sentirmos como membros dessa diversidade e dessa pluralidade; num ecumenismo sem fronteiras para a espiritualidade.

Um contexto religioso onde não há Papas, Potestades com a única e verdadeira verdade, onde não há uma única doutrina codificada, mas diversas doutrinas irmãs e correlatas dentro de princípios básicos de  Amor ao próximo, Paz, Harmonia, Evolução e Fraternidade.

É assim que vejo a Umbanda no seu todo e espero que um dia nos possamos unir despindo-nos do fantasma do dogmatismo, da exclusão e do preconceito.

publicado por Pai Pedro de Ogum às 12:16
link do post | comentar | favorito
Domingo, 25 de Setembro de 2011

FESTA A YEMANJÁ - 2011 - Praia do Meco - Sesimbra

O TSU - Templo Sagrado de Umbanda, realizou no dia 18 de Setembro de 2011, a sua Grande Festa ao Orixá Yemanjá.
Essa Grande Festa foi realizada na Praia do Meco - Sesimbra - Portugal.





sinto-me:
publicado por Pai Pedro de Ogum às 17:28
link do post | comentar | favorito

Pai Pedro de Ogum

Babalorixá

O Pai Pedro de Ogum é o Dirigente Espiritual do Templo Sagrado de Umbanda, com Ordem de Ifá (Leitura de Buzíos), Pai Pedro de Ogum desenvolve actualmente um trabalho de organização e implementação da FEUCA - Federação Europeia de Umbanda e Cultos Afro, além do trabalho de divulgação dos fundamentos da Umbanda, ao efectuar Palestras e Workshops em prol de uma boa informação sobre o que é a Umbanda e os Cultos Afro.




CONTACTO

Telf: 21 1806408

Telf: 91 89 89 500.
Site oficial: www.temploextauxry.com


Fale com Pai Pedro de Ogum

paipedrodeogum@sapo.pt


CONSULTAS
Jogo de Buzios
Tarot dos Orixás
Aconselhamento Espiritual

Marque a sua CONSULTA:

Telf: 21 1806408

Telf: 91 89 89 500.




TEMPLO SAGRADO DE UMBANDA
Rua Pero Escobar - Lote 2989
2975-393 Quinta do Conde - Sesimbra
Telefone: 21 1806408 / 91 89 89 500

Pesquisa

 

Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Tags

todas as tags

Subscrever feeds

blogs SAPO